Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Universidade Federal de Alagoas realiza mini-curso de extensão "O cinema brasileiro e a ditadura de 1964. Imagem e memória"
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Universidade Federal de Alagoas realiza mini-curso de extensão "O cinema brasileiro e a ditadura de 1964. Imagem e memória"

  • Publicado: Segunda, 22 de Mai de 2017, 13h05
  • Última atualização em Segunda, 22 de Mai de 2017, 13h08
 

O Cinema brasileiro e a Ditadura Militar de 1964. | Palmeira Dos Índios

O Cinema brasileiro e a Ditadura Militar de 1964.
 

Qual é a programação?

MINI-CURSO DE EXTENSÃO: O CINEMA BRASILEIRO E A DITADURA DE 1964. IMAGEM E MEMÓRIA.
26 de Maio a partir das 14h. na UFAL de Palmeira dos Índios.
Prof. Dr. Romero Venâncio (DFL-PPGCINE-UFS)

CONTEÚDO:

I. O caráter de golpe de 1964: notas a partir de Roberto Schwarz e Jose Paulo Netto
II. O golpe de 1964 no cinema. Uma trajetória a partir de um ensaio de Ismail Xavier
III. Algumas notas sobre três filmes: “O desafio”, “Jango” e “que bom te ver viva”

BIBLIOGRAFIA
COUTINHO, Carlos Nelson. Cultura e sociedade no Brasil: ensaios sobre ideias e formas. São Paulo: Expressão Popular, 2011.
NETTO, José Paulo. Pequena história da ditadura brasileira: 1964-1985. São Paulo: Cortez, 2014.
Schwarz, Roberto. Cultura e política, 1964-1969. In: “As ideias fora do lugar – ensaios selecionados”. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.
XAVIER, Ismail. Cinema brasileiro moderno. São Paulo: Paz e terra, 2000.

FILMES:
O Desafio (Paulo César Saraceni, 1965)
Jango (Silvio Tendler, 1984)
Que bom ter ver viva (Lucia Murat, 1989).

Quando?

26 de Maio de 2017, Sexta-feira, às 14:00h

Onde?

Ufal- Unidade Palmeira dos Índios
Palmeira dos Índios
 
Fonte: Bora Sair
 
Disponível: http://www.borasair.com.br/palmeira-dos-indos/o-cinema-brasileiro-e-a-ditadura-militar-de-1964/
registrado em:
Fim do conteúdo da página